Códigos

A série “Códigos” propõe a inversão do espaço real e o espaço virtual.

Geralmente o espaço expositivo, espaço real, apresenta objetos para serem contemplados, vistos presencialmente. Nesta série, o espaço real apresenta apenas os códigos em QR, ou seja, símbolos e seus significados, e o objeto a ser exposto, neste caso um lugar (por exemplo uma praça), é deslocado para um ambiente virtual e não palpável, que somente se tem acesso por um leitor do código QR.

QR Code MARP – QR Code II

A instalação “QR Code II” foi criada para a Temporada de Exposições de 2017 no MARP – Museu de Arte de Ribeirão Preto. Feita a partir de peças de antigas tábuas de demolição, em peroba rosa que é típica da região de Ribeirão Preto, o código ao ser lido leva o público para um site que apresenta o histórico do prédio em que se encontra o Museu, assim como imagens de detalhes construtivos do prédio.

Códigos

Para a exposição Códigos, na Casa do Olhar Luiz Sacilotto em Santo André, São Paulo, Brasil, foram realizados sete trabalhos com os códigos QR, entre objetos, vídeo, instalação e fotografia. E, ao ser lido, cada trabalho, código, o visitante é deslocado a um espaço virtual, em que cada obra ou código trata de um determinado Equipamento Cultural da Cidade de Santo André: Casa do Olhar Mário Quintana, Biblioteca Nair Lacerda, Museu de Santo André Dr. Octaviano Armando Gaiarsa, Escola Livre de Cinema e Vídeo de Santo André, Ceu das Artes Jardim Marek, Escola Livre de Teatro de Santo André e Centro de Dança de Santo André.

  • QR Code - Biblioteca
  • QR Code - Teatro
  • QR Code - Museu
  • QR Code - CEU
  • QR Code - Dança
  • QR Code MARP – QR Code II